Área do cabeçalho
gov.br

Este sítio foi reprojetado para melhor atendê-lo. Acesse já pelo celular e veja mais essa novidade

Portal da UFC Acesso a informação da UFC Ouvidoria Conteúdo disponível em: Português

Universidade Federal do Ceará
Departamento de Ciências Sociais

Área do conteúdo

Branquitude acadêmica

Data de publicação: 24 de setembro de 2020. Categoria: Eventos
A terceira live da série “Debates Incômodos: privilégio branco” acontece hoje às 19:30 no perfil @geisasociologia. Conversarei com a antropóloga Izabel Accioly sobre a branquitude acadêmica. Você teve professoras negras ou professores negros? Leu autoras ou autores negros? Quem está no centro do saber e quem é empurrado para as margens? Compartilharemos nossas experiências em sala de aula e estratégias para a transformação deste espaço. Como descolonizar a universidade?
Izabel Accioly é mestre em Antropologia Social pela Universidade Federal de São Carlos – UFSCar. Primeira aluna do referido programa a ingressar por edital de seleção de mestrado com ação afirmativa para pessoas negras e quilombolas. Foi cursista do projeto de extensão universitária Mulheres Negras Resistem – UNILAB/CE. Atualmente oferta o curso Relações raciais e branquitude no Brasil, um espaço para todas e todos que querem compreender melhor sobre esse debate.
Acessar Ir para o topo